Notícias



A linha de crédito emergencial anunciada pelo Governo Federal para financiar a folha de pagamento de pequenas e médias empresas – com faturamento anual de R$ 360 mil a 10 milhões – começou a valer nesta segunda-feira (6).

A Medida Provisória nº 944/20, que criou o Programa Emergencial de Suporte a Empregos, foi publicada na noite de sexta-feira (3), no D.O da União. A MP abre uma linha de crédito especial de R$ 34 bilhões para financiar até dois meses da folha salarial das empresas (exceto sociedades de crédito) e as cooperativas.

A operação será limitada ao financiamento de até dois salários mínimos por empregado. Ou seja, se o trabalhador ganha mais de dois salários mínimos, a empresa terá de complementar o salário. Fonte: Agência Câmara Notícias e Agência Brasil

  • Pavimentação de ruas - Novos editais são lançados
  • Witzel assina contrato - Hospital de campanha em São Gonçalo
  • Associada Dimensional Engenharia cria protocolo para a Covid-19 - Procedimentos e diretrizes obrigatórios para o ambiente de trabalho
  • Crivella decreta ponto facultativo no dia 9 de abril



Facebook



 
00:00:03 Alterar a senha | , sair Valid XHTML 1.0 Transitional